publicidade
publicidade
Max:36° Min:23°
Araguaína
Araguaína-TO, sexta, 21 de setembro de 2018
Siga a REDE TO

Tecnologia

Tocantins recebe etapa estadual da Olimpíada Brasileira de Robótica

São vinte e três equipes inscritas de sete cidades do estado do Tocantins

25/08/2017 17h34 | Atualizado em: 28/08/2017 21h47

Arquivo/Agência Brasil Em Palmas, as atividades ocorrerão nas salas 1 e 2 do Anfiteatro (Bloco D), no Câmpus da UFT em Palmas

Nesta sexta-feira (25) e sábado (26) ocorrerá a etapa Estadual da 11ª Olimpíada Brasileira de Robótica. São vinte e três equipes inscritas de sete cidades do Estado do Tocantins. Em Palmas, as atividades ocorrerão nas salas 1 e 2 do Anfiteatro (Bloco D), no Câmpus da UFT em Palmas. A OBR-TO serve de seletiva para a etapa nacional, onde os vencedores estaduais dos níveis Um e Dois garantem vaga na final.

A primeira edição da OBR no Tocantins, denominada Olimpíada Brasileira de Robótica - Estadual Tocantins, foi realizada em 2014 e com participação de quatro equipes de Palmas e Araguaína na modalidade prática nível 2. Desde então, a OBR-TO vem crescendo. O evento de 2017 conta com 23 equipes inscritas para os níveis Um e Dois com 89 alunos envolvidos de sete cidades do Estado, um crescimento de 328% em relação à primeira edição.

O representante estadual no Tocantins e professor do curso de Ciência da Computação da UFT, Alexandre Rossini, detalhou a importância do evento para a Universidade. "A UFT, por sua vanguarda tecnológica no Tocantins, se inseriu no processo de fomentar a robótica na educação ao organizar a OBR no Estado, e por participar do desenvolvimento tecnológico da área. Assim, atua como ator importante no Tocantins. A UFT espera que os talentos que estão surgindo e são identificados na OBR venham cursar uma graduação na Instituição e contribuam ainda mais para o desenvolvimento científico/tecnológico da região", diz o professor.

Inscrição

A inscrição é gratuita. Só podem participar alunos do ensino fundamental, médio ou técnico que completem no máximo 19 anos no ano da competição. Os interessados devem fazer a inscrição pessoal no Sistema de Gerenciamento de Olimpíadas e Eventos Científicos (Olimpo). Já o cadastro na OBR fica a critério do professor responsável que gerenciará a inscrição do estudante no Sistema.

Entenda

A Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR) é um evento promovido pela Sociedade Brasileira de Computação (SBC) que conta com o apoio do Governo Federal, através do Ministério da Ciência e Tecnologia e do Ministério da Educação (MEC). O evento conta ainda com o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

A OBR destina-se a todos os alunos de qualquer escola pública ou privada do ensino fundamental, médio ou técnico em todo o território nacional. É uma iniciativa pública, gratuita e sem fins lucrativos. Atualmente é o maior evento de robótica da América Latina e conta
com a participação de mais de cem mil estudantes de todo o Brasil.

Existem duas Modalidades: a Teórica, que contempla alunos da Pré-Escola ao Ensino Médio ou Técnico com a função de responder a uma prova escrita; e a Prática, que inclui construção de robôs que atendam às tarefas estabelecidas pela Olimpíada. Os robôs podem ser integralmente construídos pelos alunos ou utilizando kits robóticos (a critério dos participantes).

A Modalidade Prática é dividida em dois níveis e em duas fases. Quantos aos níveis, o Nível Um é voltado aos alunos do atual ensino fundamental de nove anos aprovado pelas diretrizes do Ministério da Educação (MEC) ou equivalente. Já o Nível Dois é voltado aos alunos do Ensino Médio, Técnico (ou equivalente), incluindo alunos matriculados em cursinho pré-vestibular (em Instituição de Ensino). Não podem participar alunos que estejam cursando ou tenham sido aceitos em qualquer curso superior.

Já quanto às fases, a Fase Estadual deve ser realizada na instituição-sede da modalidade prática do Estado do aluno. Essa fase pode incluir etapas regionais e estaduais. Na Fase Nacional, as melhores equipes de cada Estado competirão o primeiro lugar. Não é necessário participar da Modalidade Teórica para poder participar da Modalidade Prática. 

 

Da Dicom/UFT

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.